Modo de Cores: O que é CMYK, RGB e Pantone?

A cor é um fator essencial para a Comunicação Visual. Por isso, precisamos entender a diferença entre os principais sistemas de cores disponíveis no mercado, que são: CMYK, RGB e Pantone.

O CMYK corresponde ao sistema de cores primárias, sendo elas: Ciano, Magenta, Amarelo (Yellow) e Preto (Black). O “K” representa o preto, que é visto como uma cor chave (key) para dar definir o tom da imagem e das outras cores. A mistura dessas cores primárias resulta em outras cores, como: roxo, laranja e rosa, por exemplo. O sistema CMYK é utilizado para impressão offset, na Inkcard. O sistema de cores CMYK permite a impressão de imagens e formas de quase todas as cores, além de ser possível fazer sobreposições e etc.

CMYK – Ciano, Magenta, Amarelo e Preto

A abreviação de RGB vem da formação das cores: Vermelho (Red), Verde (Green) e Azul (Blue). Esse sistema é usado em objetos a qual emitem luz, como nos computadores ou celulares, por exemplo.

O modelo RGB baseia-se naquilo que se conhece como a síntese aditiva de cor, ou seja, utiliza a luminosidade do vermelho, do verde e do azul em diferentes proporções para produzir outras cores. Quando todas as cores estão na intensidade máxima (255, 255, 255) o resultado é a cor branca. Já quando todas estão na intensidade mínima (0,0,0) o resultado é a cor preta.

RGB – Vermelho, Verde e Azul

A Pantone Inc. é uma empresa fundada em 1962, em Nova Jersey. A empresa criou um sistema de cores que abrange todas as cores que existem, além de cores especiais como metálicas e fluorescentes. As cores da Pantone são cores exatas, não são misturas como CMYK e RGB, sendo escolhida através de um código no seu catálogo e usada a parte. Por exemplo, o vermelho na marca da Coca-Cola é o Pantone 185, isso faz com que todas as embalagens do mundo sejam impressas na mesma cor, sem haver variações.

Pantone – Cores exatas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *